sábado, 28 de maio de 2016

Trajano detona Danilo Gentili, o boçal!

Por Altamiro Borges

Danilo Gentili, o "humorista reacionário" que virou ícone dos golpistas financiados por corruptos, já não está com esta bola toda. Nesta sexta-feira (27), ele levou canelada do comentarista esportivo José Trajano, um dos mais respeitados da mídia brasileira. Famoso por suas "piadinhas" preconceituosas - machistas, racistas e homofóbicas - e direitistas, o boçal foi detonado ao vivo durante a apresentação do programa "Bate-Bola" da ESPN. Vale conferir o registro postado por Mauricio Stycer, no UOL:

*****

José Trajano critica a ESPN por convidar Danilo Gentili para o “Bate-Bola”

O tradicional “Linha de Passe”, da ESPN Brasil, ofereceu um momento diferente aos espectadores na noite de sexta-feira (27). Abrindo o programa, José Trajano ofereceu solidariedade às mulheres vítimas de estupro no Brasil e apoio à campanha pelo fim da “cultura do estupro”.

Em seguida, dizendo representar um grupo na ESPN, Trajano fez um protesto. “Porque o canal abrigou esta semana um personagem engraçadinho, que se porta como um sujeito que faz apologia do estupro. Em nome do humor, dizendo que no humor cabe tudo. Esse grupo ficou enojado com a presença dele”.

Embora não tenha citado o nome, a referência foi a Danilo Gentili, que na última terça-feira (24) participou do "Bate-Bola Debate". Em um comentário que ficou famoso no Twitter, o humorista escreveu: “O cara esperou uma gostosa ficar bêbada para transar com ela. Todos sabemos o nome que se dá para um cara desses: Gênio”.

Segundo Trajano, Gentili foi convidado ao programa da ESPN “talvez por descuido da produção, uma produção alienada e não comprometida com o que acontece no país.” O jornalista foi diretor de jornalismo da emissora por 17 anos, até 2012. Desde então, atua como comentarista no canal.

*****

Com suas "piadinhas" reacionárias, Danilo Gentili atualmente só consegue causar risadas na parcela mais tosca e brutalizada da sociedade - boa parte dela constituída dos "midiotas" que foram massa de manobra do "golpe dos corruptos". Ele já foi alvo de inúmeros processos das vítimas do seu "humor" patético e agressivo. Isto talvez explique porque foi dispensado de dois programas no ano passado. Em junho, o seu quadro "Politicamente incorreto" foi suspenso na Fox TV por "falta de audiência". Um mês depois, nem a rádio Jovem Pan - já batizada de Ku Klux Pan - aguentou as suas provocações. De fato, como afirmou José Trajano, este "personagem engraçadinho" causa nojo! 

*****

Leia também:






1 comentários:

Antonia Cruz disse...

Nunca achei que esse um fosse humorista, é um idiota que pensa que é engraçado. Imbecil por excelência